domingo, 1 de agosto de 2010

Uma balada qualquer

God!Fazia tempos que eu não saía com as amigas para uma baladinha.
Mesmo em situações de total lazer, eu não consigo deixar o meu lado repórter de lado. Fiquei reparando em tudo. Do comportamento das pessoas na fila ao desespero dos bêbados no final de festa tentando pegar alguém a qualquer custo. Deprimente...

Primeira observação. Como tem mulher desesperada no mundo! Fui ao banheiro umas cinco vezes só para ouvir as conversas. Sério, tudo precisa virar literatura porque foi demais. Será que isso é normal mesmo?

Diálogo 2:

Garota 1: Meeeeeu, não tem um cara bonito nessa balada. E os que são bonitos estão acompanhados. Não acredito que eu vou "zerar"
Garota 2: (que responde do vaso sanitário) E eu, menina? Até depilei para ver se arrumava alguém hoje. Troque até o lençol da cama para mudar o carma.
Garota 1: Ainda pensando no Oswaldo?
Garota 2: Ai, nem me fale... E eu to assando com esse vestido. Mas eu precisava mostrar as pernas para alguém hoje.
Garota 1: Mostrar ou abrir? hahahahahaha
Garota 2 - Venenosaaaaaaa

Hehehe. Era começo de noite. As pessoas ainda conseguiam subir e descer as escadas da casa noturna. E eu ali, observando. Como não dou de ferro, tomei uma tequila também para aumentar a minha percepção. Hehehe. E como álcool é diurético... Mais banheiro.

Diálogo 2:

Garota 1: Meu, tô arrasada, acho que cheguei em um ponto que eu preciso casar.
Garota 2: Por quê?
Garota 1: Tenho 30 anos e acabei de tomar uma cantada de um menino nascido em 1991!
Garota 2: (dentro da cabine do banheiro). Poutz grila, meu! Fui tentar mijar sem sentar no vaso, mirei errado e acertei meu sapato. Se alguém perguntar, vou falar que foi whisky.

E aí foi ficando mais tarde. A madrugada é um problema para os corações solitários. Móóóóó galera com o celular na mão. Sms... um perigo. Quem nunca mandou um sms de madrugada? E vários?


Diálogo 3:


Garota 1: Acabei de mandar uma mensagem para o Fernando. E para o Rodrigo. E para aquele cara que eu fiquei no ano novo.
Garota 2: Para quê??
Garota 1: Preciso me sentir amada. Pera, tô lembrando de mais alguém para mandar mensagem. Alguém precisa me responder.
Garota 1: Tenta o PM que você pegou em São Vicente no feriado. Ele provavelmente deve estar de plantão agora. Diga que você tem uma "ocorrência"...
Garota 2: Pô, ninguém respondeu.
Garota 1: São 3h56 da manhã,fofa.
Garota 2: E daí?

Me peguei pensando na quantidade de vezes que eu fiz isso... Que eu mandei mensagens de texto de madrugada, pelos mais variados motivos. Mas tem gente que apela demais, gente. Você acha mesmo que o cara que você não vê há meses vai achar normal tu mandar uma mensagem de madrugada em um sábado? Ele vai olhar e dizer... "bêbada". Repita comigo: "bêbada".

E o pessoal vai bebendo, bebendo, bebendo... E aí você percebe que qualquer bola serve para treinar. Por isso eu te falo, com toda certeza. Jamais fique com um cara depois das 2h30 da manhã. Certamente ele não está nem te vendo. Você é o desespero, minha cara, é a vodka gritando na veia. Você é uma saia ou um decote, não passa disso. Homem depois das 2h30 se desespera mais do que mulher. Quer agarrar alguém de qualquer jeito. Pode até ter bigode, te juro. E isso não fará nada bem ao seu ego, trust me.

Ai, essas baladas.
Eu lá... com meu vestido azul marinho e só pensando "festa estranha, gente esquisita, não to legal.. não aguento mais tequila".

Da próxima vez que forem a uma baladinha, please, me contem os diálogos de banheiro.
Eu juuuuuuuuuuuuuuuro que não vou mandar pelo ralo!

19 comentários:

Roberto disse...

Muito bom! adorei! rs

Rafael Pedrosa disse...

Hahahahahahahahahahaha...

Sensacional... A da mijada no sapato é a melhor!!!

Pinto Moreira disse...

Finalmente já sei o que as mulheres fazem na casa de banho, além do básico é claro, he he, esta reportagem está muito interessante.
Álcool + solidão + noitada = acordar no dia seguinte ao lado de alguém estranho.

Roberta Nina disse...

Hahahahaha! Balada é assim mesmo, td igual. Banheiro de mulher é um horror. A sujeira e o papo. Aaaffff!
Tô longe de balada e nem sinto falta, viu?!

Bjos, adorei teu blog :)

Fernando disse...

Vou chutar hj, vim visita-la só hj, que pecado, embora tenha ficado um tanto quanto surpreso pelo que voce escreveu, sim as mulheres mijam no pé, achei que fosse ler alguma resenha ou furo jornalístico, mas aqui, embora voce diga que é reporter tempo integral, não parece o caso aqui.

Em geral tuitto para voce e sempre voce, as vezes não responde outras também não, o que isso tem a ver?

Que talvez voce não queira ser reporter o tempo todo e quem sabe fazer cronicas de comportamento sanitário!

Mas sanitarismo à parte gosto do seu trabalho, embora haja estrogênio demais (sic) pululando em Joannita, que nada, estrogena mesmo.

Bjs

Fernando

PS: Aquele banquinho novo esta te matando no Bem Amigos, pede pra trocar!

Dimayma disse...

Ahhhh esses sms na madrugada...

Crespo disse...

Joanna!

Achava que essa de "observar" e detalhismo enquanto se diverte, sai e distrai era uma coisa só minha hahaha.

O banheiro é o QG feminino da night!

Imagino que para mulher, "zerar" na balada seja muito mais decepcionante do que para homem.

Vejo homem muito como companheiro entre si na balada. Está certo que rola aquela zoação quando zera, mas levar na esportiva é muito mais fácil.

Agora mulher, meu... imagina!
Se produz, se prepara psicologicamente, todo um ritual, para chegar lá e... nada! E quando chega um, é daquele nível (a tal da apelação que tu falou)

Vocês tem meu apoio Joanna!

Mas enfim, gostei do teu blog!

Admiro pessoas que compartilham não só de um assunto - como maioria dos jornalistas esportivos - mas sim assuntos variados, como você faz aqui!

Parabéns pelo talento!

Até breve.

Beijo de um cancepricorniano para um capricanceriana!

Crespo disse...

Joanna!

Achava que essa de "observar" e detalhismo enquanto se diverte, sai e distrai era uma coisa só minha hahaha.

O banheiro é o QG feminino da night!

Imagino que para mulher, "zerar" na balada seja muito mais decepcionante do que para homem.

Vejo homem muito como companheiro entre si na balada. Está certo que rola aquela zoação quando zera, mas levar na esportiva é muito mais fácil.

Agora mulher, meu... imagina!
Se produz, se prepara psicologicamente, todo um ritual, para chegar lá e... nada! E quando chega um, é daquele nível (a tal da apelação que tu falou)

Vocês tem meu apoio Joanna!

Mas enfim, gostei do teu blog!

Admiro pessoas que compartilham não só de um assunto - ao contrário da maioria dos jornalistas esportivos - mas sim assuntos variados, como você faz aqui!

Parabéns pelo talento!

Até breve.

Beijo de um cancepricorniano para uma capricanceriana!

Aurélio disse...

Joana,

Excelente suas histórias, acredito ser de fato a realizadade no universo feminino, que triste, esperava mais!

Bom, de qualquer forma, gostaria de elogiar o seu trabalho e dizer que quando vc entra ao vivo na sportv, para fazer as "chamadas" de matéria, eu penso; ELA é simplesmente deslumbrante.... teu sorriso encanta!

Grande beijo

Aurélio

marcosbravo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
marcosbravo disse...

Era uma festa ou um zoológico?

Anônimo disse...

Materia sensacional, principalmente para nos homens. E vc acabou de comprovar pqe as mulheres nao acham o cara certo. Na verdade e': homem algum aguenta mulher Tosca e sem valor, mesmo que ela tenha decote, curvas e pernas.

Fábio Nonato disse...

Ilário, muito bom!

Anônimo disse...

minhaa queridaa ee amadaa joanna de assis isso ee nomal em sao paulo mulher no banheiro e msm assim nem queira escuta os dos homems rsrs e terrriver shuahsua mais mulher ganha pq mais inteligente e pespicaz homem ja mais durro e burro suahsuhasu fazer oq neh nem todos ganha nem todos podem rsrs mais foi bom seus comentarios de garotas hahaha no banheiro da para escrever um livro ate

jpfox8 disse...

Muito bom Joanna. Continue contando mais histórias. Que tal as do jantar do Bem Amigos?????
Inté...

Anônimo disse...

Il semble que vous soyez un expert dans ce domaine, vos remarques sont tres interessantes, merci.

- Daniel

Fabio disse...

Muito bom, Joana!
Mas nem todo mundo bebe.

2'30''
3'30''...

Ainda vejo mais que um decote ou uma saia. E vejos quadros como os que vc presenciu.

um abraço,

Fábio

Anônimo disse...

rssssssssssssss

Rubro Negro disse...

Isso explica pq mulher sempre vai em dupla ao banheiro!! hauhauhauha